¿Qué es o preço que os animais pagam pela your diversão? Zoos, acuarios, circos y muito mais

Nossas escolhas e atos são bem mais abrangentes do que em geral pensamos. A cada minuto fazemos escolhas que podem directamente interferir na vida de outros seres que habitam este planeta. Nossas formas de En Vivode si alimentode si locomoción y até mesmo de se que te diviertas podem ser respondemos por grandes Danos ao planeta, aos animais y à nós mesmos.

N / A busca por diversão, nem siempre fazemos escolhas bem pensadas. Os zoologicos, acuarios, parques acuaticos Y circos siempre atraíram muita gente. Principalmente fato de expor uma internoção, nem tão bacana, com os animais. Aparte de chata desses passeios é que o use dos animais para o nosso entretumenti, cria sérios problemas, as much para or bem-estar do animal em si, em alguns casos, para a preserveção das suas espécies. A industria del entretenimiento emprega animais para uma enorme variedade de usos, muitas vezes causando inmenso sufrimiento y até a morte desses animais.

A exploração animal refleja una creencia de que eles existem para nos servirem, inclusive para nos divertirem, sem que it seja a sua natureza.

hombre animais em cativeiro, como nos zoológicos, es negar-lhes a liberdade de Movimento e Associação, o que é important para sua socialização. O dia-a-dia nos zoos es monótono y repetitivo, na maioria dos casos não há nenhum type de privacidade y nem tampouco estímulo. Os animais sofrem de esgotamentos físicos y mentales.

Para garantizar boas visiteções há até zoologicos domesticando leões. O Zoológico de Lujánna Argentina, permite que as pessoas entrem nas jaulas e toquem nos leões «Domesticados».

E o que é feito para que os turistas consigam ficar tão next of animais ferozes as leões e outros grandes felinos? Segundo eles, apenas são domesticados desde bebés. Pero si levarmos em cuenta que até nossos cães que são completamente domesticados têm seus momentos de desierto, si regresa um pouco dificil de acreditar que isso suficiente para que leões permitam um enter and you know em sus jaulas. Muitos visitantes falam sobre a lerdeza dos animais and desconfiam que esses animales sejam dopados. Outra técnico sospecha é a de que os tratadores mantienen esses animais acordados durante una noche. Arouse form, no dia Seguinte, os animais estão muito cansados ​​​​para reaccionar de forma agresiva.

Generalmente Los zoológicos justifican sus existencias con base en la preservación de especies y como fuente de pesquisa y estudos científicos. Mas, convenhamos que aproveitar dos animais para o prazer das pessoas não é a situação adequada para abrigo ou para centro de pesquisa. Uma ínfima minoria de zoológicos conduzem estudos científicos viáveisque básicamente sabe dirigidos para o alvio dos problemas fisicos y psicologicos causados ​​​​pelos confinamentos. Tais pesquisas têm pouca, ou nenhuma, aplicação para os animais selvagens and silvestres em seu habitat natural.

Não são apenas os zoos culpados por criarem entretumenti a partir de vida de outros. Os acuarios de golfinhos, assim como outros parques acuaticos, mantêm golfinhos y baleias em cativeiroen su mayoría treinados para se exibirem. Desde una captura até a sua vida de «palhaços», os animais sofrem um grande estresse, além dos ricos de ferimentos y muerte. Preocupada com o bem-estar de golfinhos, a Alemanha começou a debatiente a propuesta de liberdade para estes animais tão inteligentes.

Há também os circos, que alojam y confinam, em name from diversão, animais grandes em jaulas pequenas. Não são raros os cases que além de enjaulados os animais são acorrentados and permaneçam sem liberdade para se comportan naturalmente durante toda su vida. Os treinadores ainda usam técnicas que envolvem medo, submissão, privação y castigos que incluyen espancamentos, chicoteamento ea supressão de alimentos.

Assim como os zoologicos, os circos passam uma mensagem educativo negativo. Ver os animais executando truques que não são naturais e fora do seu habitat, não integra e nem ensina nada às crianças sobre a real life that esses animais deveriam ter.

No brasilalgo centros urbanos como Río de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais y Porto Alegre, por ejemplo, já proíbem o uso de animais em circos.

Entre como formas de «diversión”Ainda há o rodeio, um movimiento que está se alastrando pelo nosso país. Os rodeios pueden consistir em varios tipos de competições, incluyendo la prueba de laço de bezerro ou novilho y montaria em cavalos ou touros, cuando los participantes tentam se sustentan em top de animais que se contorcem violentamente. O sedémtipo de correia en su mayor parte de crina, é firmemente Apertodo sobre a virilha com puxão violento na hora da abilizia do brete, que compresas os órgão abdominais y genitalis, fazendo os animais se contorcerem e pularem, intenting se livrar dele. Como si já não lo suficiente todas las formas de tortura legais para entreter, ainda há a Farra do Boíeso es Prohibido Brasilpero que ainda mata y tortura centenas de bois en diversas comunidades, principalmente en Santa Catarina. En Farra começa cuando o boi es solto y persigo pelos “farristas”, que carregam pedaços de pau, facas, lanças de bambu, cordas, chicotes y pedras. Eles persem or boi, que no desespero de fugir, run em direção ao mar, vilas, casas ou hotéis. A tortura pode durar por três dias ou mais, when o boy died a meat é split between os participantes.

Além de Leus federales 9.605 / 98 What proíbe «practicar abusos, maus-tratos, ferir ou mutilar animales silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos“, En Farra do Boi foi prohibido expresamente a través de Recurso Extraordinário nº 153.531-8 / SC; RT 753/101 en la zona Catarinense, dada como crimen punível com até um ano de prisión para quem una práctica, colabora o se omite de imped-la.

Apesar de nem todas las prácticas de «entretenimiento» que utilizam animais possuírem leis que as regulamente, cabe a nós decidirmos o preço que pagamos, ou melhor, que os animais pagam, pela nossa diversão. Está claro que o sufrimiento vívido por eles não ensinam e nem agregam conhecimento. Ainda que existen, a dica é não incentivar el tipo de exploração. Procure passeios alternativos, não leve seus filhos à zoos, aquários, rodeios and pesca, como formas de entretumenti, ajude a acabar com essa toda essa exploração desnecessária.

Ocean Odissey: el único acuario que a la gente le gusta (porque não tem peixe!)

Pesca magnética: una nueva afición ambiental

A veces interesa ler também:

CACHORROS-PANDAS: EN NOVA LOUCURA CHINESA

VOICE SABE QUAIS SÃO OS ANIMAIS BRASILEIROS EM EXTINÇÃO?

Fuente de la foto: freeimages.com