Brasil: ¿por qué crisis hídrica?

Uma charada ao leitor: de qué lugar Tierra abriga menos de 3% dos habitantes, mas conta com 12% del volumen de agua – 18% si me consideras águas subterrâneas? ¿Están concentrados 11 entre los 50 ríos más caudalosos del mundo? Una respuesta es uma só: no brasil.

Após essa charadinha, não tem como não pararmos para refletir em uma charada mais séria; na verdade, um misterio: como podes um país con tamanhas riquezas hídricasestar à beira do colapso hídrico em suas maiores cidades?

Além disso, o brasilque detém a maior sale de bacia do Rio Amazonas – Brasil (63%), Perú (17%), Bolívia (11%), Colômbia (5,8%), Ecuador (2,2%), Venezuela (0,7%) y Guayana (0,2%) – cuenta como mayores reservas de agua doce do planetao seja, como pode faltar agua?

Bueno, una respuesta es bem sad: se há uma coisa que, no brasilé mais abundante que água é a irresponsable de políticos em lidar com a sustentabilidade, por um lado, and ignorância de grande part da população, para lidar com um recurso natural finish, por outro. Isso tudo si los transforma en un océano… de problemas, que explica boa parte do que estamos pasando hoje, and que não must melhorar em um future next.

30% dos municipios brasileiros não recebe água potável, sobretudo em regiões que não têm proximidade com nascentes and rios. Até 2015, solo 29% de domicilios no Brasil contarao com sanidad basica, siguiendo a la Agência Nacional de Águas. Tudo isso pode ajudar a lançar dejetos directamente em rios, o que faz com que a qualidade da água, em 44% dos domicílios seja tuim ou péssima, segundo a ANA – por contaminación hacer proprio esgoto das casas.

Contamina afeta boa comienza desde água subterrânea que detemos – muito mais bem distribuída que a agua superficial, presa-se de pasaje. Esse é um outro problema, regiones menos populosas, como a Norte, concentram mais água, que outras com maior concentração de habitantes, como o Nordeste. Isso Gera um desafío adicional, que é além da captación de aguao transporte de mesma.

A falta de conservación de la vegetación que seek reservatórios e represas, leva esses pontos, que seriam de reserva estratégica de agua, ao absorción y perder la calidad del agua.

final problema está en estimacióngerada pelo agudo de diversas florestas, sobretudo a Amazônica, o que alters o regimen de chuvasem todo or territorio, trazendo seco ao sudeste – a pior em décadas.

A outra questão es una incapacidade do poder público empromover segurança no abastecimento da população e às atividades econômicas – as indústria and agronegócio – que também dependem de água.

Y si no Sudeste a situação é ruim, no Norte y Nordeste é ainda piorlunares 4 a cada 5 personas precisam de melhor atendere relacionado à água, em seu dia a dia.

Un miembro de la base de gobernadores sin congreso, el senador Jorge Viana (PT) apresenta una indignación bastante especifica: “Parece que o brasil foi pego de surpresa com in crise de São Paulo. A ANA tem sistemas de previsão. Ela não é capaz de mudar o curso de naturezapero las bases capaces de prevenir si vas haver uma situação mais grave de abastecimento, inclusive por count do regimen de chuva «.

Y o director de ANA, Andreu Guillo, acrescenta, sobre a responsabilidade da população a respeito do problem: “Para a vontade política existir, é necessário or envolvimento da sociedade. Não há uma intenso movilización social em relação a esse theme, proporcional ao risco que ele representa. Si un água não entra en una agenda política desde la sociedade, isso não vai virar realidade”.

A solución? Nem é nada tão complexo de se pensar: inversión em estrutura de armado, distribución y tratamiento, así como campañas de concienciación de população já teriam ótimos efeitos.

Fuente de la foto: imagenesgratis.com

Vejamos o desenrolar dessa história.

Leia también: