Após período de 14 años, ararinhas-azuis nació en Brasil

Ameadada de extinção no Brasila ararinha-azul é uma espécie (Cyanopsitta spixii) que preocupa enormemente a los especialistas y ecologistas. Mas há razões para conmemorar: o último registro de nacimiento de ave havia sido realizado em 2000; ágora, en 2014, ja novos filetes de espécie.

segundo dados hacer ICMBio – Instituto Chico Mendes – o nacimiento dos filhotes se deu em um criadouro no interior do estado de São Paulo, no fim de outubro de 2014. As aves tem 10 semanas de idade and seu nascimento if it must to um esforço dos pesquisadores em added to população de tais animais no habitat natural .

Os cuidados de alimentação e saúde, que no início eram dados pelos pais, agora ficam a cargo dos veterinários. A mãe das ararinhas é Flor, que foi também gerada em cativeiro, em 2000 – o último ano em que houve reproducción asistida de dos animales.

Agora estão em estudos or genético das aves, para definição do sexo and, later, seus nomes serão dados através de votação pública.

Origen de ararinhas-azuis

Una especia Cyanopsitta spixii faz comienza desde familia de psitacidos –Originários from área de Curaçá, na Bahia -, com patas de dois dedos que ficam virados para apart from frente and outros dois, para trás. Su alimentação es, principalmente, de sementes e de frutas y seu bico tem a função de escalar e subir em galhos, sirviendo como apoio.

Contribuíram para extinção da espécie mucho caça feita de forma ilegalcuanto o desmatación Y degradación ambiental. Su captura se tornou tão descontrolada e comum, que o animal sumiu completamente da natureza.

Dados oficiales atestam existen 92 aves en cativeiro, sendo que apenas 11 dessas em territorio nacional. Estima-se que 6.500 delas vivam na natureza, entre Cerrado, Amazônia y Pantanal.

Leia também: 122 Espécies de pássaros Colombianos estão sob risco de extinção

Fuente de la foto: rio.wikia