Ahr: de bicicleta conhecemos a Idade Média na Alemanha

Você, que é tão apaixonado para su bicicletaque até mesmo em viagens não dispensa esse meio de locoção, não pode deixar de conhecer um fate alemão, cheio de belezas naturais and totalmente adequado aos ciclistas: trata-se hacer Vale do Ahr.

Das montanhas Eifel até o Rio Reno

São maravilhosos 80 km por carril bicique acompanhamos o trajeto plano do Rio Ahr, que tem como cenários campos verdesjantes, castelos y mosteiros centenariosem uma das grandes –e belíssimas – regiões produtoras de vinho do país europeu.

O ponto de partida es em Eifel como vimos; maíz precisamente em Blankenheim. Case queira, antes de começar, visit os arredores dessa cidade, cujas orígenes remontam à Idade Media – há construções realizadas no século XII, que hoje servem como albergues.

Outra companhia que o cyclist terá por 15, dos 18 km do percurso, will be a estrada de ferroo que deixa o cenário ainda mais romântico and atemporal.

Kreuzberg

fuente de la foto: wikipedia.org

Mais à frente temos a segunda cidadezinha que iremos conhecer, no trajeto do Ahr. Trata-de de Kreuzbergem burgo medieval, que fica no topo de um platô compuesto por rochas, que desce até encontrar o rio. Es un autentico castillo, pero no hay lugar para ser visitado, pois es una propriedade privada.

Altenahr

fuente de la foto: alemania-romantica.info

Esse marca local o começo da área dos vinhedos íngremes, que passam a dominar as paisagens do rest do trajeto do Ahr. Primeiros povos a cultivar uvas na area, os romanos, deram oigem à maior produtora de vinhos tintos de toda a Alemaniacon vinos reconocidos mundialmente.

Proceden de la cooperativa de productores vinícolas, Mayschoss. Criada no século XIX, em 1868, actualmente tiene 123 hectáreas de superficie total. Case deseje, pod-se degustar vinhos, após uma tour guiado à área.

Há ainda um mosteiro, Calvarienberg, que é administrado por irmãs, devotas de Santa Úrsula de Colônia. A igreja está aberta daily, mas o mosteiro, apenas em dias específicos – embora também can be visitado, nessas ocasiões.

Bad Neuenahr-Ahrweiler

fuente de la foto: vacacionescheck.de

Última cidade pela por la que pasará el ciclista, está compuesta por variadas fuentes termales, que são objeto de fascinación para turistas, desde o século XIX; em Kurhaus ha, inclusivo, um cassino, aberto y funcional.

reno

fuente de la foto: rio-rin-alemania.european-vacation.net

Enfim, chegamos. Este é o ponto, no qual, Ahr está desembocando no reno, que fica entre Remagen, Sinzig y Kripp, constituyendo uma foz sob proteção ambiental das autoridades alemanas.

Agora pense: ciclismo, vinho, cultura y beleza: que combinação fantástica, não acha? ¿Vamos a pedalear?

A veces interesa ler também:

Ahr: de bicicleta conhecemos a Idade Média na Alemanha

Uso de bicicletas en París dispara na pandemia e prefeita amplificación o número de ciclovias

Inglesa inventa roda purificadora de ar para bicicletas

Por que uma vez que aprendemos a ir de bicicleta, nunca mais esquecemos?

Fuente: home.online.no